8 de dezembro de 2017

Trailer - Alita: Battle Angel

A adaptação cinematográfica do mangá GUNM ou Battle Angel Alita que esteve em pré-produção por mais de uma década vai finalmente ver a luz do dia. Originalmente seria dirigido por James Cameron que ficou apenas no roteiro. Será que vinga?

A produção conta com alguns atores excelentes e direção do competente Robert Rodriguez. Mas não sei o que pensar dessa Alita totalmente em CG.


30 de novembro de 2017

OpenVPN de verdade em um Chromebook


O suporte a OpenVPN em Chromebooks sempre foi inexplicavelmente porco e inadequado. Quem como eu adquiriu um atraido pelo preço, peso leve e longa duração de bateria,porém precisava desta funcionalidade, se deparou com um oceano de problemas e frustração.

As possíveis soluções para este tipo de conexão espalhadas pela web variam entre criações de arquivos ONC que na maioria dos casos é ineficaz por não oferecer várias das funcionalidades comuns a outras gambiarras que atendem raríssimos casos. No final das contas, nada definitivo ou sequer minimamente adequado.

Pois bem! Eis que surge o suporte a Android Apps para nos resgatar! Vários dos modelos de Chromebooks já oferecem suporte a Play Store no stable ou beta channel. Com esta novidade salvadora de vidas, todos os meus problemas foram resolvidos instalando um cliente OpenVPN de Android, o JuiceSSH para administrar meus servidores e o Opera Mini para os poucos serviços web que precisar acessar via VPN. A única limitação - com a qual consigo conviver tranquilamente - é que somente apps de Android acessam as rotas criadas pela VPN deste modo já que todos executam em um sandbox fechado.

2 de novembro de 2016

Instapaper de graça para todos




O Instapaper, um dos mais famosos serviços de armazenar páginas para leitura posterior, anunciou que a partir de hoje suas funções premium estão abertas para todos os seus usuários. Isto significa que está liberado o acesso às seguintes funções que antes eram restritas:

  • Busca completa nos textos dos artigos

  • Notas ilimitadas

  • Playlists text to speech

  • Leitura rápida ilimitada

  • Função "Enviar para Kindle" através de bookmarklet e apps mobile.

  • Resumos Kindle para até 50 artigos

  • Site do Instapaper sem anúncios


A aquisição do serviço pelo Pinterest acabou surtindo efeitos positivos afinal.

10 de outubro de 2016

Boa alternativa para o delicious



O del.icio.us foi um dos grandes precursores da era Web 2.0 com suas idéias de social bookmarking e se tornou um dos serviços mais populares em sua época. O site permitia adicionar, classificar, pesquisar e compartilhar bookmarks (ou favoritos) sobre qualquer assunto. Eu fui um de seus ávidos usuários por bastante tempo até que o desânimo proveniente de algumas lambanças e estagnação me fizem colocá-lo de lado.

Atualmente a plataforma está em uma posição estranha e decadente. Foi vendida e revendida várias vezes sendo que neste meio tempo foi até mesmo propriedade do Yahoo, aquela casa onde várias grandes idéias são compradas para definhar até cairem na irrelevância e engrossar sua lista de fails.

Nestes últimos dias estive pesquisando alternativas gratuitas onde pudesse subir facilmente os bookmarks que já possuia fragmentados no del.icio.us e no gerenciamento local de navegadores. Além disto, precisava que houvesse conveniência para administração, compartilhamento e acesso em diversos dispositivos.

Depois de passar por diversos serviços com qualidades e fraquezas diferentes como o Evernote, Pocket, Historious, Tagpacker, Pinboard, Xmarks e Papaly, encontrei o que de fato me atendeu. O vencedor foi o Raindrop.io!

http://raindrop.io/

29 de agosto de 2016

Fitas cassete e a computação

Muito interessante este video sobre como funcionava a leitura e gravação de dados em fitas cassete e sua interpretação pelos computadores da época. É possível assisti-lo com legendas em português.


Nos anos 80, estes dispositivos eram uma alternativa mais barata que os caríssimos drives de disquete para os microcomputadores de 8 bits que começavam a modestamente se instalar nos lares dos nerds pioneiros. Era muito comum encontrá-los lado a lado com os mais vendidos por estas bandas como o TK-90X, TK-95, Expert e Hotbit.

Quem viveu esta época e possuía um micro, certamente pode contar algumas histórias de terror sobre loading errors. Eu mesmo passei por mais vezes do que gostaria, o drama de aguardar a lenta leitura da fita de algum jogo do TK-95 ou Expert só para visualizar nos finalmentes uma mensagem de erro e ter que recomeçar o carregamento.

Apesar da lentidão que era o processo de carregar um programa por fita, me lembro com muito carinho da infinidade de jogos que conheci quando criança e do dia em que descobri por experimentação como replicar as fitas dos meus amigos com um gravador de computador e meu walkman trabalhando em conjunto. :P

25 de agosto de 2016

O Linux comemora 25 anos



Hoje, dia 25 de agosto, faz exatamente 25 anos que Linus Torvalds desenvolveu o sistema Linux. Desde a sua projeção, o sistema ganhou, gradativamente, entusiastas no mundo todo, devido a sua gama extensa de distribuições que tem a plena capacidade de atender as necessidades tanto de usuários iniciantes quanto dos usuários que já tem uma larga experiência em relação a esta plataforma. Para os mais apaixonados, o Linux é considerado um projeto de código aberto que mudou o mundo de forma radical, tornando tudo muito diferente do que nós já conhecíamos.


Não é exagero dizer que o mundo não seria o mesmo sem o Linux. Este sistema operacional está presente na vida de todos os que acessam de alguma maneira a internet desde os seus primórdios e embarcado nos mais diversos dispositivos e plataformas.

Advinhem qual sistema operacional está servindo este próprio site? :D

Vida longa ao Linux!

Via: Under-Linux

19 de agosto de 2016

Microsoft PowerShell no Linux

Não bastou colocar o Bash no Windows 10: agora o shell da Microsoft também é open source, e disponível para rodar no Linux.

O anúncio de hoje informa que a PowerShell agora é open source, e está disponível (ainda em versões iniciais) para Ubuntu, CentOS e Red Hat, e também para Mac OS X.
E algo ainda mais improvável aconteceu! Um movimento bem interessante e positivo da Microsoft. No entanto, ao menos por hora, esta é uma ferramenta relevante para uma quantidade pequena de administradores de sistemas e para situações improváveis. Não é ao meu ver, algo tão significativo e grande como colocar o Bash no Windows.

Via: BR-Linux